quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

pensamentos em comprimidos

Sinceramente, não quero ser o que esperam de mim.
Estou optando ser eu. Com meus anseios e desejos estranhos.
"Seja você".
Não quero mais camisas de força.
Espero que alguém goste de mim do jeito que sou e não o que foi construído, sem que eu aceitasse.

-------------------------------------------------------------------

Em tempos de fast food e fast Love, vou continuar apertando na tecla de que não somos apenas um corpo ou objeto de prazer do outro, somos infinitamente mais do que isso! Somos, podemos e devemos ser carne-osso-alma-sentimentos!
Vamos lutar por isso e dizer não à superficialidade!
Enfim, não se conformem ao que é posto como atual e "na moda'!
Tenho fome e quero sustança!

--------------------------------------------------------------------

Vagando por salas de bate papo, inicialmente dou muitas gargalhadas com a criatividade dos nomes dessas salas. Contudo, observando com mais calma, penso: quantos desejos inconfessáveis são carregados por aí; desejos reprimidos que vagam, assombram a mente; quanta imaginação!

Ao final, um prazer ligeiro, um suspiro longo, desliga o PC.
Veste o terno, ajeita a gravata e um sorriso para a foto de pacato cidadão.

Coisas da vida,
Vidas anônimas!

É, gente boa, como é assustador, estranho, complexo e encantador é o ser humano!

--------------------------------------------

Só escuto na rua que se o Brasil perder a copa é vergonha internacional.

Sinceramente?

Considero vergonha internacional o brasileiro votar numa pessoa que não sabe o que faz "um Deputado Federal mas vote nele e ele conta!"
E assim um palhaço conhecido se tornou Deputado.

Vergonha internacional é a desvalorização do professor, do médico, do trabalho do gari, de AINDA existir trabalho escravo no país, discriminação racial velada, desigualdade social gritante!

Daqui a 4 anos, a seleção tenta de novo!
Enquanto isso, em 4 anos, em qual direção o Brasil estará?

Sou brasileira sim, mas não sou cega.

Acorda, Brasil!
Vamos em frente.
Disse e repito: "Está mais do que na hora dessa gente bronzeada mostrar seu valor"!

Aquele abraço
-----------------------------------------
Será que a vida é feita de repetições inconscientes?
--------------------------------------
Jogo da seleção brasileira do dia 28/06/2014 - Brasil e Chi-chi-chi-lê-lê-lê

Jogo Dramático! É um festival de fazer firulas e balé no jogo. Emocionante!

Saudade do Bussunda! 1 trilhão de vezes melhor que Ronaldo Fofometro Medida Incerta.

Nervosismo: algum chileno pra fazer mais um gol contra pra "noix"?

Final do primeiro tempo, Fred sequelado das pernas e da cabeça. Um tapa na orelha do chileno. ...putz...que cara sem noção!

Cara, esse juiz foi comprado em quantas parcela...só no carne das Casas Bahia, né?

Julio César aliviando a barra da seleção! Valeu!

"O Brasil não está bem no jogo!" - valeu Pavão Bueno! 25 minutos do segundo tempo e ele fez A Descoberta! Esse cara é sagaz!

"Felipão mostra que esta não está feliz" by Pavão Bueno. Pois é, nem eu, tio.

Final de jogo: Júlio César é o caraaaa!

Alguém chama uma equipe medica pro próximo jogo.
Ai....
Infarto. ..
......

Ahhh....gente, Brasil ganhou, logo o apocalipse foi temporariamente adiado.

Ai...dor no peito. ..
Qual é seleção? !

Dois na folia

Desejo urgente, de lábios que se encontram, de mãos que buscam com certa urgência o outro, suor que se inicia, pele que se acaria, já nao sou eu, somos dois na folia.

Dia

  • E um dia, sem hora marcada, no apagar das luzes, sem nenhuma licença, deixarei de ser presença. Não vejo mais nenhuma graça, você apenas um parça de passagem, seguirei a minha viagem que não sei direito aonde termina. Vou-me embora, mas se souber quem sou, um dia, volto a te visitar, aonde tudo começou.

Desejo singelo

  • Vou dormir a te imaginar, vou dormir num frenesi de te tocar, enquanto voce escapa de forma sagaz. Vou dormir mais uma noite sem te tocar. Meu mais sincero desejo de que tenha uma boa noite e ouso a desejar que sonhe comigo, não mais como amigo, mas alguém que te espreita e te deseja. Vai, estimo bons sonhos. Ai de mim que vivo isso, ai de mim que sou tão carnal, com os desejos a flor da pele. Ai de mim, ai de mim.